Visite nosso canal no YouTube:

Visite nosso perfil no Facebook:


Siga-nos no Twitter:

 


 

O Slade agora quer um "pedacinho" da América 
(Parte 4)
     

"I don't want much
I just want a little bit

I don't want it all
I just want a little bit"

E foi isso o que aconteceu no ano de 1974: O Slade, de pedacinho em pedacinho, acabou conquistando o mundo (menos a América, ainda).

        Janeiro mal começa e o Slade já parte para uma nova turnê americana. Foram 15 shows, de costa a costa. Eles conseguem encher com facilidade teatros e auditórios para até 5 mil pessoas. E fazem sempre shows junto com atrações locais, que chamam público.

Slade no Centennial Hall de Ontario

 

Shows em Janeiro
31 - St. Paul Civic Center, St. Paul - Estados Unidos
30 - Duluth Arena Auditorium, Duluth - Estados Unidos
29 - Riverside Theater, Milwaukee - Estados Unidos
27 - Hollywood Palladium, Hollywood - Estados Unidos
26 - Winterland Arena, San Francisco - Estados Unidos
24 - Rainbow Ballroom, Fresno - Estados Unidos
23 - JJ's Palace, San Diego - Estados Unidos

20 - Centennial Hall, London, ON - Canadá

19 - Toledo Sports Arena, Toledo - Estados Unidos
18 - Allen Theater, Cleveland - Estados Unidos
16 - Municipal Auditorium, Atlanta - Estados Unidos
12 - Columbia Music Hall, West Hartford - Estados Unidos
11 - The Spectrum, Philadelphia - Estados Unidos
9 - The Spectrum, Philadelphia - Estados Unidos
2 - Ambassador Theatre, St. Louis - Estados Unidos

 

        Em 15 de Fevereiro lançaram seu novo LP, Old New Borrowed and Blue, seguindo a linha dos antecessores, indo para o primeiro lugar das paradas. Foi gravado rm 1973, durante o período de recuperação de Don Powell. Ele chegava no estúdio de muletas. Trazia novos clássicos de seus shows, como Just A Little Bit e Good Time Gals, bom como uma canção em andamento de valsa que logo se tornará seu maior sucesso ao vivo, Everyday. E motivo da primeira briga com Chas Chandler. O disco foi muito mal recebido pela crítica, que não poupou o grupo.

        Detalhe curioso: nos Estados Unidos, a gravadora Warner acho que o título original não era comercial e batizou o disco como Stomp Your Hands, Clap Your Feet.

A capa americana do novo LP

Clique para ouvir Good Time Gals

 

        O grupo mal descansou da maratona americana e já participou da entrega de um troféu, o Disc Music Award, num agrande festa. Depois, partiram para mais uma turnê pelo Oriente. Uma curta visita à Austrália, com cinco shows e depois sua primeira excursão ao Japão, em Março.

Recebendo o Disc Music Award

 

Shows em Fevereiro
28 - Memorial Drive Park, Adelaide - Austrália
26 - Festival Hall, Melbourne - Austrália
24 - Hordern Pavilion, Sydney - Austrália
22 - Festival Hall, Brisbane - Austrália
21 - Hordern Pavilion, Sydney - Austrália

 

        A turnê japonesa teve dois shows em Tóquio e um em Osaka. Eles tocaram novas músicas e os fãs japoneses queriam os antigos sucessos de 72. Durante o vôo para Osaka, último show no Japão, uma briga explodiu entre o baixista Jim Lea e o empresário Chas Chandler. Chandler queria que o novo compacto fosse uma canção retirada do LP que estavam lançando. Eles nunca usaram músicas de LPs em seus compactos e não ia ser agora que isso aconteceria. Jim tentou de todas as maneiras, mas seria vencido. Everyday foi lançada em Março e alcançaria a terceira posição, um pouco decepcionante para um grupo que ia direto para o primeiro lugar das paradas de compactos.

Programa da turnê japonesa

Revista japonesa com matéria sobre o grupo.

Clique para assistir o clipe de Everyday

 

Shows em Março
14 - Koseinenkin Kaikan, Osaka - Japão
13 - Nakano Sunplaza, Tokyo - Japão
11 - Shinjuku Koseinenkin Kaikan, Tokyo - Japão

 

        Em Abril iniciaram uma turnê pela Inglaterra que seguiu por Maio, quando fizeram três shows lotados no Hammersmith Odeon de Londres, entre os dias 16 e 18 de Maio. Em seguida voaram para os Estados Unidos, onde fizeram sua quinta turnê americana. Na América foram acompanhados de dois cineastas contratados por Chandler para escreverem o roteiro de um filme que misturava ficção e realidade sobre uma banda de rock.

Shows em Abril
29 - Civic Hall, Wolverhampton
28 - New Theatre, Coventry
27 - Brangwyn Hall, Swansea
26 - Colston Hall, Bristol
24 - Southampton Guildhall, Southampton
23 - Winter Gardens, Bournemouth
22 - Birmingham Odeon, Birmingham
21 - Bellevue, Manchester
20 - Blackpool Opera House, Blackpool
19 - St George's Hall, Bradford

Ticket de Birmingham

Shows em Maio
31 - Felt Forum, Nova Iorque - Estados Unidos
30 - Harrisburg Civic Center, Harrisburg - Estados Unidos

18 - Hammersmith Odeon, Londres
17 - Hammersmith Odeon, Londres
16 - Hammersmith Odeon, Londres
14 - Capitol Theatre, Cardiff
12 - Kursaal, Southend-on-Sea (noite)
12 - New Theatre, Oxford (tarde)
10 - Newcastle City Hall, Newcastle
9 - Sheffield City Hall, Sheffield
8 - King George's Hall, Blackburn
7 - Victoria Hall, Hanley
5 - Grand Hall, Scarborough
4 - Mountford Hall, Liverpool
3 - Apollo Theatre, Glasgow
2 - Apollo Theatre, Glasgow
1 - Caird Hall, Dundee

Na esquerda, o show de Blackburn. Na direita, o ticket de Londres

Dave no show de Londres

 

Anúncio do show de Nova Iorque, com o Aerosmith

Repertório para a Turnê Americana:

Take Me Bak 'ome
Good Time Gals
Gudbuy T'Jane
Move Over
When The Lights Are Out
Darling Be Home Soon
We're Really Gonna Raise The Roof
Just A Little Bit
Let The Good Times Roll
Cum On Feel The Noize
Get Down With It
Mama Weer All Crazee Now
Keep On Rockin'

Shows em Junho
30 - Warnors Theatre, Fresno - Estados Unidos
29 - Berkeley - Estados Unidos
28 - Hollywood Palladium, Hollywood - Estados Unidos
26 - San Diego - Estados Unidos
21 - Auditorium Theatre, Chicago - Estados Unidos
20 - Masonic Temple Theatre, Detroit - Estados Unidos
19 - Ford Auditorium, Detroit - Estados Unidos
17 - Lansing - Estados Unidos
16 - Jai Alai Fronton Hall, Orlando - Estados Unidos
15 - The Warehouse, New Orleans - Estados Unidos
14 - Memphis Civic Center, Memphis - Estados Unidos
13 - Louisville Convention Center, Louisville - Estados Unidos
12 - Kiel Auditorium, St. Louis - Estados Unidos
11 - Allen Theater, Cleveland - Estados Unidos
8 - Bayfront Center, St. Petersburg - Estados Unidos
7 - Maurice Gusman Concert Hall, University of Miami, Coral Gables - Estados Unidos
5 - Municipal Auditorium, Atlanta - Estados Unidos
3 - Syria Mosque, Pittsburgh - Estados Unidos
2 - Palace Concert Theater, Providence - Estados Unidos
1 - Rochester Community War Memorial, Rochester - Estados Unidos

 

        O mês de Julho foi gasto na gravação de um novo compacto e da trilha sonora deste filme, Slade in Flame, o qual foi rodado nas seis semanas seguintes, em locações como o Rainbow Theatre, a cidade de Shepperton, fábricas em Sheffield e o Hammersmith Palais. Ele retratava a ascensão de uma desconhecida banda de rock ao estrelato e todos os problemas que isso acarretou no relacionamento de seus membros, antes grandes amigos. É aí que a ficção e realidade se misturavam.

Gravando os novos compacto e LP

 

        Mas os sucessos não paravam e o novo compacto lançado em Junho, The Bangin’ Man já estava no terceiro lugar em Julho, quando novamente foram ao Top Of The Pops. O lado B era outra bela balada, She Did It To Me, que fez um relativo sucesso no Brasil, em um raríssimo compacto-duplo.

Na esquerda, divulgando o compacto The Bangin' Man no "Top of the Pops". Na direita, notícias do filme

Clique para ver o clipe de The Bangin' Man

 

        O filme foi lançado em Setembro. As críticas iam de “um bom filme, mas real demais”, “as pessoas não querem ver a realidade do sucesso”, até bons elogios ao filme e aos atores. O grupo foi a várias premiéres pela Inglaterra.

Clique para assistir um trecho do filme

 

Shows em Setembro
27 - Kiel Auditorium, St. Louis - Estados Unidos

 

        Em Outubro é lançado mais um compacto, Far Far Away, da trilha sonora do filme. Ele entrou em terceiro lugar, chegou ao segundo, mas não foi número um por causa do disco de Ken Booth. A pergunta entre os membros do Slade era “que porra é essa de Ken Booth”? A crítica disse que o Slade estava mais leve, sem os gritos de Noddy. Uma nova banda?

Clique para ver o clipe de Far Far Away

 

        Mais uma turnê pela Europa em Novembro e Dezembro, junto com o lançamento da trilha sonora Slade in Flame. O LP só atingiu o sexto lugar das paradas, significando que algo estava mudando na vida deste grupo que só acumulava sucessos nos últimos três anos.

 

Clique para ver o clipe de How Does It Feel?

 

 

Shows em Novembro
30 - Heidmarkhalle, Fallingbostel - Alemanha
29 - Hansehalle, Lübeck - Alemanha
28 - Musikhalle, Hamburgo - Alemanha
27 - Nordmarkhalle, Rendsburgo - Alemanha

24 - Fyns Forum, Odense - Dinamarca
23 - Vejlby-Risskov Hallen, Risskov - Dinamarca
22 - KB Hallen, Copenhagen - Dinamarca

19 - Scandinavium, Gothenburg - Suécia

14 - KB Hallen, Copenhagen - Dinamarca

12 - Laugardalshöll, Reykjavik - Islândia

Ticket do show da Islândia, autografado

 

Shows em Dezembro
16 - L'Olympia Bruno Coquatrix, Paris - França

15 - Forest National / Vorst Nationaal, Forest - Bélgica

14 - Evenementenhal, Groningen - Holanda

8 - Circus Krone, Munich - Alemanha

6 - Jubiläumshalle, Biedermannsdorf - Áustria
5 - Wiener Stadthalle, Vienna - Áustria

4 - Gartenhalle, Karlsruhe - Alemanha
3 - Stadthalle, Offenbach - Alemanha
2 - Westfalenhalle, Dortmund - Alemanha
1 - Stadthalle, Wolfsburg - Alemanha

 

        O próximo passo seria arriscado e acabou num grande fracasso, que quase encerraria a carreira do grupo: eles se mudariam para os Estados Unidos por dois anos, para conquistá-lo.

    

"Noddy logo cantaria em 1975: "I'm Nobody's Fool!"

      

Discografia Slade (quarta parte)

 

LP Old, New, Borrowed and Blue
(Polydor 2383 261) – 2/74
CS Everyday / Good Time Gals
(Polydor 2058 453) – 03/74
CS The Bangin’ Man / She Did It To Me
(Polydor 2058 492) – 06/74
CS Far Far Away / OK Yesterday Was Yesterday
(Polydor 2058 52) – 10/74
LP Slade in Flame
(Polydor 2442 126) – 11/74

 

 

REFERÊNCIAS DA PESQUISA

Official Charts: www.officialcharts.com (http://www.officialcharts.com/artist/30945/slade/)

Slade Scrapbook: www.sladescrapbook.com

From Roots to Boots: www.sladestory.blogspot.com.br (mcp59@live.co.uk)

Slade Discography: www.discogs.com (https://www.discogs.com/artist/124534-Slade?page=2)

https://en.wikipedia.org/wiki/Slade

Feel the Noize! An Illustrated Biography, by Chris Charlesworth. Omnibus Press, London. 1984,